Leiomiossarcoma primário da glândula tireóide

Antonio Augusto T. Bertelli, Luiz Cláudio Bosco Massarollo, Erivelto Martinho Volpi, Rubens Yassuzo Ykko Ueda, Elci Barreto

Abstract


Aproximadamente 15 a 20% dos sarcomas ocorrem na região da cabeça e pescoço, 80% em adultos, sendo que apenas 0,014% são leiomiossarcomas primários de tireóide. Existem apenas 16 casos relatados no mundo, nenhum deles em nosso meio. São tumores com diagnóstico citológico pré-operatório difícil e podem ser confundidos com outras lesões mais comuns da tireóide como carcinomas anaplásicos e medulares. O tratamento ideal ainda não está bem definido, visto que o prognóstico é ruim e a cirurgia radical associada à quimioterapia e radioterapia adjuvantes não demonstram melhora nas taxas de recorrência e sobrevida. Relatamos um caso de leiomiossarcoma primário da glândula tireóide em um paciente jovem, submetido à tireoidectomia total e esvaziamento cervical, associado à radioterapia adjuvante, com boa evolução pós-operatória, e sem sinais de recidiva aos 4 anos de seguimento e realizamos uma extensa revisão da literatura existente sobre o tema.

Keywords


leiomiossarcoma; glândula tireóide; sarcoma; imunoistoquímica, neoplasias de cabeça e pescoço



Dear author,

Our journal has migrated the services to a new platform for manuscript submissions - ScholarOne Manuscript. Thus all new submissions must now be done through the following website:

http://mc04.manuscriptcentral.com/abem-scielo

If you have any questions, please contact us.

---------------------------------------------------------------------------------

Prezado autor,

Nosso periódico migrou para uma nova plataforma de submissão de manuscritos - ScholarOne Manuscripts. Novas submissões deverão ser feitas através do seguinte endereço:

http://mc04.manuscriptcentral.com/abem-scielo

Qualquer dúvida, entre em contato conosco.