Qualidade de vida nos pacientes com artropatia do manguito rotador. Estudo transversal com controles pareados

Arnaldo Amado Ferreira Neto, Eduardo Angeli Malavolta, Jorge Henrique Assunção, Mauro Gracitelli, Guilherme Ocampos, Evelinda Trindade

Resumo


Objetivo: Comparar a qualidade de vida (QV), de acordo com o Short Form 12 Health Survey (SF-12), entre pacientes com artropatia do manguito rotador com indicação de artroplastia reversa e controles pareados por sexo e idade. São objetivos secundários a comparação dos grupos de acordo com a American Shoulder and Elbow Surgeons Standardized Shoulder Assessment Form (ASES) e escala visual analógica de dor (EVA).
Métodos: Estudo transversal com controles pareados por sexo e idade, comparando pacientes com artropatia do manguito rotador e indicação de artroplastia reversa do ombro com indivíduos não acometidos. Os grupos foram comparados quanto às escalas SF-12, ASES e EVA.
Resultados: Os grupos foram formados por 38 indivíduos, sendo 28 do sexo feminino. O SF-12 apresentou diferença significativa no componente físico, tendo os casos registrado 31.61 ± 6.15 e os controles 49.39 ± 6.37 (p<0.001). Para o componente mental, a diferença não foi significativa, tendo os casos apresentado 44.82 ± 13.18 e os controles 48.96 ± 8.65 (p=0.109). Os casos apresentaram VAS de 7.34 ± 2.11 e ASES de 31.26 ± 15.12, enquanto os controles 0.55 ± 1.31 e 97.53 ± 6.22, respectivamente (p<0.001).
Conclusão: Os pacientes com artropatia do manguito rotador com indicação de artroplastia reversa apresentam piores resultados no componente físico do SF-12 quando comparados aos controles. Possuem ainda piores resultados funcionais pela escala da ASES e mais dor pela EVA.



Atha Comunicação e Editora Ltda Rua Machado Bittencourt, 190 conj. 410 CEP: 04044-903 Vila Clementino Tel.: 5579-5308/ 5087-9502