CAPITAL E PODER A SERVIÇO DA GLOBALIZAÇÃO: OS OLIGOPÓLIOS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR PRIVADA NO BRASIL

Andreia Gomes da Cruz, Maria de Fátima Costa de Paula

Resumo


O artigo tem como finalidade problematizar o surgimento dos oligopólios da educação superior privada que emergem como consequência do processo de reconfiguração da educação superior brasileira em decorrência da adoção de políticas públicas de viés neoliberal na década 1990, que ocorrem como resultado de profundas transformações no campo da Educação, no Brasil. Diante deste processo presencia-se o início das fusões, formando grandes conglomerados educacionais, resultando na financeirização do ensino superior. O estudo detecta um movimento que vem ocorrendo em que o processo capitalista de acumulação favorece a formação de conglomerados, cujo poder econômico rege um segmento que deveria ser gerido pelo Estado.

Palavras-chave


Educação superior privada; Mercadorização da educação; Oligopólios da Educação superior.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP. Classificação "Qualis - A1"