CARACTERIZAÇÃO NUTRICIONAL E COMPOSTOS ANTIOXIDANTES EM RESÍDUOS DE POLPAS DE FRUTAS TROPICAIS

Alessandro de Lima, Luanne Morais Vieira, Manoel de Jesus Marques da Silva, Mariana Séfora Bezerra Sousa,

Resumo


O Brasil é um dos países que mais produz resíduos agroindustriais, como os resíduos de frutas pelas indústrias de polpas, o que tem contribuído para o aumento da produção do lixo orgânico, provocando graves problemas ambientais. Neste contexto, estudos têm sido conduzidos com o intuito de investigar o valor nutricional destes resíduos, valorizando-os e sugerindo novas alternativas de utilização. Assim, o objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização nutricional e determinar os compostos antioxidantes dos resíduos de polpas de frutas tropicais acerola (Malpighia glabra L.), goiaba (Psidium Guayaba L.), abacaxi (Ananas comosus L.), cupuaçu (Theobroma grandiflorum), bacuri (Platonia insignis) e graviola (Annona muricata L.). Os resultados encontrados demonstraram que os resíduos analisados apresentaram quantidades significativas de macronutrientes (carboidratos, proteínas e lipídios). Todos os resíduos avaliados, com exceção do cupuaçu, apresentaram valores elevados de vitamina C. Quanto aos carotenóides, destacou-se o resíduo de acerola com 881,56 ± 9,01μg/100g e o resíduo de goiaba, com 644,9 ± 10,02 μg/100g. Os resíduos analisados apresentaram baixas concentrações de antocianinas e flavonóides. Com relação aos teores de fenólicos totais se destacou o resíduo da polpa de acerola com 247,62 ± 2,08 mg/100g de fenólicos  sendo estatisticamente diferentes dos demais (p<0,05). Portanto, pode-se concluir que os resíduos de polpas de frutas empregados neste estudo são fontes potenciais de macronutrientes e compostos bioativos, variando-se de acordo com o resíduo estudado, destacando-se os resíduos de acerola e goiaba como mais ricos em compostos antioxidantes.



Dear author,

Our journal has migrated the services to a new platform for manuscript submissions - ScholarOne Manuscript. Thus all new submissions must now be done through the following website:

http://mc04.manuscriptcentral.com/cagro-scielo

If you have any questions, please contact us.

EDITORA UFLA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS

Caixa Postal 3037

37200-000, Lavras, MG, Brasil

revista.ca@editora.ufla.br