POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA, COOPERAÇÃO SUL-SUL E EDUCAÇÃO SUPERIOR

Fernanda Geremias Leal, Mário César Barreto Moraes

Resumo


A Educação Superior se refere a um dos principais setores da Cooperação Internacional para o Desenvolvimento no campo da Política Externa Brasileira (PEB). Uma importante iniciativa do setor, voltada à formação de estudantes de países em desenvolvimento em universidades brasileiras, é o Programa Estudante-Convênio de Graduação (PEC-G), regulamentado em 1965. Este artigo caracteriza o PEC-G na ótica da Cooperação Sul-Sul (CSS) brasileira. Assim, estabelece um diálogo entre as peculiaridades da sua regulamentação, suas características atuais, a PEB e a CSS. O Decreto que instituiu o PEC-G se evidenciou como política de controle, pautada na segurança nacional. Apesar da sua ascensão em um sentido cooperativo, suas condicionalidades o afastam do discurso oficial empregado para a CSS.



EDUCAÇÃO & SOCIEDADE: revista de Ciências da Educação
Av. Berttrand Russel n°801 - Fac. de Educação - Anexo II 1° andar - sala 2 - Campinas, SP, Brasil - Cep. 13083 - 865, Fone/fax: + 55 19 3521-6710/6708 cedeseditoria@zeppelini.com.br