Perigo, não abra! As conturbadas relações entre a sociologia e os seus públicos

Fagner Carniel, Zuleika de Paula Bueno

Resumo


As sucessivas críticas ou resistências que o ensino de sociologia acumula na entrada deste novo milênio sinalizam tanto o caráter instável da disciplina nos currículos escolares brasileiros quanto a desconfiança com que diferentes setores da população recebem os conhecimentos produzidos pelas universidades e centros de pesquisa do país. Ao invés de reificar estereótipos que polarizam o saber em formas leigas e especializadas, o artigo propõe problematizar o engajamento da sociologia com suas audiências não acadêmicas por meio de sua trajetória escolar, sinalizando para o papel estratégico que a escola desempenha na construção de suas dimensões públicas.



EDUCAÇÃO & SOCIEDADE: revista de Ciências da Educação
Av. Berttrand Russel n°801 - Fac. de Educação - Anexo II 1° andar - sala 2 - Campinas, SP, Brasil - Cep. 13083 - 865, Fone/fax: + 55 19 3521-6710/6708 cedeseditoria@zeppelini.com.br