Comparative analysis of life history traits of Characidium pterostictum (Characiformes, Crenuchidae) within longitudinal gradient stretches of a Neotropical river in southern Brazil

Raquel Crespo Fitz, Cesar Rodenbusch, Marco Aurélio Azevedo

Resumo


RESUMO. Análise comparativa das características de história de vida de Characidium pterostictum (Characiformes, Crenuchidae) em trechos de um gradiente longitudinal de um rio Neotropical no sul do Brasil. As características de história de vida de Characidium pterostictum Gomes 1947 (Characiformes, Crenuchidae) de três diferentes trechos do rio dos Sinos, no sul do Brasil, foram descritas e analisadas comparativamente, de acordo com a posição de cada amostra em um gradiente longitudinal do rio. Os resultados obtidos mostraram que, nos três trechos avaliados, a espécie possui período reprodutivo sazonalmente definido, com o pico de reprodução situado entre os meses de novembro e fevereiro, que correspondem aos meses mais quentes e com maior comprimento do dia.  Em todas as situações testadas, o número de fêmeas foi sempre superior ao de machos e, no ponto mais a montante, somente fêmeas foram encontradas. A fecundidade absoluta média estimada para a espécie variou entre 5.189,91 (±2.131,02 SD) e 7.394,09 (±3.807,57 SD) e a fecundidade relativa média (oócitos por mg de peso total da fêmea) variou entre 1,08 (±0,40 SD) e 1,12 (±0,29 SD). O desenvolvimento ovocitário foi do tipo sincrônico em dois grupos, típico de espécies que apresentam desova total. A comparação espacial das características reprodutivas de C. pterostictum sugere que o tamanho dos indivíduos (comprimento) é o único atributo que apresenta variação relevante entre os pontos de coleta, havendo, aparentemente, uma tendência a que indivíduos maiores ocupem os trechos mais superiores do rio dos Sinos.



Iheringia Série Zoologia

Museu de Ciências Naturais, Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul

Rua Dr. Salvador França, 1427, 90690-000 Porto Alegre, RS, Brasil

E-mail: iheringia-zoo@fzb.rs.gov.br