Os Festejos como Estratégia de Fortalecimento Comunitário em Comunidade de Manaus/AM

Kamila Bezerra de Araújo, Marcelo Gustavo Aguilar Calegare

Resumo


A comunidade Parque Riachuelo I, localizada em Manaus/AM, existe há 40 anos e foi fruto de ocupações desordenadas. Está sediada na zona urbana, mas ainda não é plenamente urbanizada, apresentando aspectos rurais (igarapés, mata virgem, ruas de barro). Por isso, sofre com a falta de infraestrutura, de acesso a serviços sociais básicos e de lazer. Apesar das dificuldades, os moradores organizam festejos em datas comemorativas. Logo, a pesquisa objetivou levantar quais festejos já aconteceram na comunidade e seu significado para os moradores, para examinar como os mesmos influenciaram no fortalecimento dos laços comunitários. Partindo da Psicologia (Social) Comunitária, realizamos pesquisa qualitativa, com seis entrevistas semiestruturadas com participantes-chave e respectiva análise de conteúdo. Os resultados apontam a lembrança de oito festejos marcantes, com o significado e importância de promover o engajamento e motivação nas lutas políticas, união, fortalecimento dos laços comunitários e sentimento de pertença. Verificamos que os festejos se tornaram uma ferramenta estratégica essencial para união e lazer, de modo que a cada festejo mais moradores participam e dialogam sobre as questões da comunidade, propiciando o fortalecimento comunitário.

Palavras-chave


Psicologia Comunitária; festas religiosas; Amazônia; ambientes rurais

Apontamentos

  • Não há apontamentos.