A atenção, a infância e os contextos educacionais

Claudio Roberto Baptista

Resumo


Este artigo tem o objetivo de analisar o conceito de Atenção e suas conexões com o campo educacional. Investe-se na compreensão deste conceito, buscando identificar a tendência à simplificação que se mostra no discurso que anuncia a desatenção como referência para se pensar a criança e os processos escolares. Toma-se como dispositivo fundamental para esta construção argumentativa o campo histórico, pois são muitas as possibilidades de significados dados às palavras evidenciadas no campo do viver, nas relações estabelecidas nos discursos e na sua existência manifesta. A partir do pensamento de Foucault, o texto apresenta a síntese de um processo de pesquisa sobre a temática e coloca em evidência pistas de um investimento nos processos de ressignificação da Atenção. Busca-se ainda problematizar a ênfase na desatenção e nos processos de medicalização do viver.

Palavras-chave


educação especial; atenção; desatenção; invenção.

Texto completo:

Sem título PDF


Associação Brasileira de Psicologia Social www.abrapso.org.br