Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outro periódico; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • A Revista Mana só aceita para avaliação e publicação 4 autores por artigo, todos devidamente registrados na plataforma ORCID.
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF. Todas as referências de autoria devem ser suprimidas.
  • O manuscrito deve estar completamente anonimizado, isto é, sem nome, filiação institucional ou referências bibliográficas que possam identificar a autoria. Tais informações devem ser substituídas por um “omitido” e poderão ser agregadas quando o texto estiver aprovado para publicação.
  • Os artigos devem ter até 11.500 palavras e apresentar um resumo contendo entre 100 e 150 palavras, em português, inglês e espanhol, com títulos e cinco palavras-chave nos mesmos idiomas. Devem ser escritos em fonte Times New Roman, tamanho 12 para texto com espaçamento 1,5, tamanho 11 para citações de mais de três linhas e tamanho 10 para notas, ambos com espaçamento simples. O título do trabalho precisa estar em negrito. Os números das páginas devem ser colocados no canto inferior direito. Os resumos devem contar com espaçamento simples. As palavras-chave precisam estar separadas por vírgula e finalizar com ponto final. Figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • As notas devem vir ao final do texto, como “notas de fim”, não podendo consistir em simples referências bibliográficas. URLs para as referências devem ser informadas quando possível.
  • O texto submetido só será avaliado se seguir as normas editoriais, os padrões de estilo e os requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  • O envio de manuscritos implica a cessão de direitos autorais e de publicação à revista.
  • Para maiores informações, consultar os editores da Revista Mana através do e-mail revistamanappgas@gmail.com.

Diretrizes para Autores

Mana: Estudos de Antropologia Social aceita os seguintes tipos de contribuições:

Artigos, Dossiês, Ensaios bibliográficos e fotográficos, Resenhas, Entrevistas, Documenta, Homenagens, Debates, Balanços de campo e Controvérsias.

 

Normas para apresentação de colaborações

1. A pertinência para publicação será avaliada pela Comissão Editorial (no que diz respeito à adequação ao perfil e linha editorial da revista) e por pareceristas ad hoc (no que diz respeito ao conteúdo e qualidade das contribuições). Serão aceitos originais em português e espanhol. Não há taxas para submissão e avaliação de artigos.

2. Os manuscritos devem ser submetidos em Microsoft Word após registro na plataforma SciELO. Todas as referências ao autor/a devem ser suprimidas.

3. Os artigos devem ter até 11.500 palavras e apresentar um resumo contendo entre 100 e 150 palavras, em português, inglês e espanhol, com títulos e cinco palavras-chave nos mesmos idiomas. Os resumos devem contar com espaçamento simples. As palavras-chave precisam estar separadas por vírgula e finalizar com ponto final.

4. O manuscrito deve estar completamente anonimizado, isto é, sem nome, filiação institucional ou referências bibliográficas que possam identificar a autoria. Tais informações devem ser substituídas por um “omitido” e poderão ser agregadas quando o texto estiver aprovado para publicação. Por isso, atenção especial com a submissão do manuscrito na plataforma SciELO.

5. Os manuscritos devem ser escritos em fonte Times New Roman, tamanho 12 para texto com espaçamento 1,5, tamanho 11 para citações de mais de três linhas e tamanho 10 para notas, ambos com espaçamento simples. O título do trabalho precisa estar em negrito. Os números das páginas devem ser colocados no canto inferior direito.

6. As notas devem vir ao final do texto, como “notas de fim”, não podendo consistir em simples referências bibliográficas.

7. As citações diretas no texto devem ser até três linhas e estar entre aspas duplas. As citações de mais de três linhas precisam estar recuadas à esquerda em margem de 1,25 cm, sem aspas, espaçamento simples e fonte Times New Roman 11.

8. As referências bibliográficas devem aparecer no corpo do texto com o seguinte formato: sobrenome do autor / espaço / ano de publicação:páginas), conforme o exemplo: (Wagley 1977:160-162).

9. A bibliografia em ordem alfabética de sobrenome deve vir antes das notas de fim e respeitar o formato que aparece no site institucional da revista, verificar as normas em: https://revista-mana.org/enviodeartigos/

10. Os ensaios bibliográficos e resenhas devem apresentar a referência completa das obras analisadas, sendo indicado o número de páginas de cada uma. As resenhas não devem receber título nem conter notas, mas precisam de pelo menos três referências bibliográficas fora do texto resenhado.

11. O envio de manuscritos implica a cessão de direitos autorais e de publicação à revista.

12. Para maiores informações, consultar os editores da Revista Mana através do e-mail revistamanappgas@gmail.com.

13. Os artigos serão avaliados por no mínimo dois consultores da área de conhecimento da pesquisa, de instituições de ensino e/ou pesquisa nacionais e estrangeiras, de comprovada produção científica. Após as devidas correções e possíveis sugestões, o artigo será aceito se tiver dois pareceres favoráveis e rejeitado quando pelo menos um dos pareceres for desfavorável.

14. Só aceitaremos 4 autores por artigo, todos devidamente registrados na plataforma ORCID.

 

 

 

Artigos

Em português ou espanhol. Devem ser inéditos e ter até 11.500 palavras, incluindo referências bibliográficas, notas, resumo em português, inglês e espanhol e até cinco palavras-chave no idioma original e em inglês.

Dossiê Sociedades afroamericanas e trabalho

O dossiê deve ser composto por 5 a 8 artigos inéditos em português ou espanhol. Os organizadores do dossiê deverão apresentar a proposta à Editoria da Revista Mana, contendo o título geral proposto, um resumo de até 1.000 palavras que exponha a temática e os objetivos da proposta e um resumo de até 250 palavras de cada um dos artigos que conformarão o dossiê. A proposta deverá ser enviada ao e-mail revistamanappgas@gmail.com. Esta será analisada pelos Editores da Revista. Após aceita a proposta, os artigos serão analisados por pareceristas ad hoc. Cada artigo deverá ter até 11.500 palavras, com as mesmas características formais de apresentação da Seção Artigos.
A Mana receberá também propostas de dossiê de caráter aberto. Nesta modalidade, os organizadores deverão apresentar, ao e-mail revistamanappgas@gmail.com, o nome e o resumo geral da proposta e uma convocatória aberta para recebimento de artigos será feita pela Revista. Os artigos recebidos, diretamente no SciELO da Mana, passarão por triagem dos organizadores do dossiê, e posteriormente por pareceristas ad hoc.

 

Dossiê Antropologia da Morte

O dossiê busca reunir artigos que tratem de abordagens antropológicas das relações das pessoas com a morte. Representações e práticas coletivas e individuais associadas à morte em uma cultura, ritos funerários, reflexões sobre definições biomédicas sobre vida e morte, normatizações e dilemas sobre escolhas referentes ao final da vida e imaginações sociais sobre a morte são apenas alguns dos assuntos que nos interessam reunir. Serão acolhidos prioritariamente trabalhos etnográficos consolidados sobre a temática. E que, ademais, questionem ou problematizem teorias hegemônicas ocidentais sobre o fenômeno.

Dossiê Infraestruturas da Ditadura no Brasil

O dossiê propõe-se a investigar, através da pesquisa etnográfica de infraestruturas idealizadas na época da ditadura militar, as práticas que cara cterizaram as estratégias de ação deste campo político e econômico. A intenção é percorrer as linhas do tempo que marcaram estes projetos e analisar os seus efeitos materiais, tanto do ponto de vista político como poético. O dossiê propõe-se ainda a problematizar a categoria Ditadura por meio da análise das relações entre as múltiplas temporalidades e materialidades a ela referida - o que ainda permanece e é objeto constante de ampliação modular - e das memórias de quem conviveu e ainda convive com estas infraestruturas.

Dossiê Escrita Antropológica

Nesse dossiê propomos reunir artigos que reflitam sobre a antropologia e a escrita como modos de conhecimento, os seus encontros, as suas diferenças e as fronteiras que as combinam. Sobre a estética do conhecimento, os significados públicos e as potências críticas da escrita no trabalho antropológico na América Latina.

Ensaios

Em português ou espanhol e inéditos. Devem ter até 4.400 palavras, incluindo referências bibliográficas, notas e resumos. Trata-se de ensaios críticos de apenas um livro ou de vários livros que toquem em assuntos correlatos ou de um livro a partir do qual se analise a obra de um autor.

Ensaios bibliográficos

Em português ou espanhol e inéditos. Devem ter até 4.400 palavras, incluindo referências bibliográficas, notas e resumos. Trata-se de ensaios críticos de apenas um livro ou de vários livros que toquem em assuntos correlatos ou de um livro a partir do qual se analise a obra de um autor.

Ensaio Fotográfico

Em português e espanhol e inéditos. Deseja-se publicar ensaios que, em textos e imagens, apresentem processos ou resultados de pesquisa. O texto deverá consistir numa reflexão antropológica que se atrele às imagens de modo dinâmico e criativo. O ensaio fotográfico deve possuir até 12 imagens, e será necessária uma autorização de uso das mesmas em formato de cessão de direitos fornecida pela Revista Mana, com créditos do autor, local, data de produção e nome da imagem (se houver). Os ensaios deverão ter até 3.500 caracteres com espaços. Após a aprovação do ensaio para publicação, as imagens deverão ser enviadas em separado, em formato .jpeg, .gif, ou .png, com resolução de 1.2M e 300dpi. As imagens deverão ser nomeadas sequencialmente de acordo com a ordem de exposição no texto. As normas para citação de fontes bibliográficas são as mesmas das demais seções.

Documenta

A seção Documenta destina-se à publicação de textos com valor histórico, como materiais de arquivo, documentos raros ou pouco conhecidos, re-traduções de textos clássicos, memoriais, homenagens e conferências.

Debates

O objetivo da seção Debates é a reflexão ao redor de um texto específico. Este texto poderá ser inédito ou uma tradução ao português de um texto chave recente. O organizador do Debate deverá convidar até cinco antropólogos para realizar comentários a propósito do dito texto e deverá garantir, em sua escolha, olhares diversos que somem vieses diferentes à discussão. O artigo central do Debate poderá ter até 11.500 palavras. Os textos dos comentários deverão ter até 1.600 palavras cada um. As normas de citação bibliográfica são as mesmas das demais seções. Os textos serão analisados por pareceristas ad hoc.

Balanços de campo

Em português ou espanhol e inéditos. Esta seção se propõe a publicação de artigos que tenham como finalidade apresentar um balanço sobre a produção teórica e/ou etnográfica ao redor de uma temática específica. Estes balanços podem ter um recorte geográfico (ex. estudos sobre comunidades ribeirinhas do Brasil); um recorte temporal (ex. estudos sobre militarismo no Brasil entre 1950 e 2000); ou se basear em diálogos transnacionais (ex. as influências de Georg Simmel no pensamento antropológico latino-americano). Espera-se que os balanços possam ser representativos da produção de um modo abrangente, evitando vieses únicos ou dirigidos a certas escolas ou regiões. Os artigos de Balanços de campo poderão ter até 11.500 palavras. As normas de citação bibliográfica são as mesmas das demais seções. Os textos serão analisados por pareceristas ad hoc.

Controvérsias

Esta seção procura incentivar a prática de debater e expor ideias e pensamentos divergentes, por acreditarmos que esse é um gesto fundamental na produção de conhecimento. Pretende-se assim a aproximação a distintos tipos de apreciação sobre um mesmo objeto e a diversos modos de fazer e pensar antropologia. Se “discordâncias” ao redor de temáticas como “cultura” ou “identidade” delinearam marcos para nossa disciplina, nosso objetivo é conhecer e divulgar outras controvérsias que estejam movimentando ideias e conceitos na antropologia.
As controvérsias deverão ter um mínimo de dois artigos e um máximo de quatro, girando ao redor de uma temática específica ou de um conceito. Cada artigo poderá ter até 11.500 palavras, ser inédito e estar escrito em português ou espanhol. As normas de citação bibliográfica são as mesmas das demais seções. Os textos serão analisados por pareceristas ad hoc.

Entrevista

A entrevista deve ter até 9.000 palavras, incluindo bibliografia, deve ser inédita e pode ser realizada por mais de um pesquisador. Deve ter um fio condutor específico; por exemplo, a trajetória do entrevistado na antropologia, seus percursos etnográficos, comentários sobre um livro recém lançado, diálogos do autor com um campo acadêmico e com outros autores, criação e caminhos de um conceito ou categoria associado a sua produção.

Homenagens

Em português ou espanhol e inéditas. Deve basear-se na trajetória acadêmica de um autor (vivo ou falecido), levantando questões críticas, destacando suas principais contribuições e seus diálogos dentro do campo antropológico. Ditos autores podem ser de qualquer nacionalidade. Embora esteja aberto para todo tipo de autores e autoras, e de qualquer vertente da antropologia, espera-se obter conhecimento maior sobre aqueles menos canônicos na antropologia. As características formais das Homenagens são as mesmas dos artigos. O texto será analisado por pareceristas ad hoc.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados neste periódico serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.